Gaia um grande exemplo de vida


Conheça a história de Miragaia, de 80 anos, de rodou mais de 150 países de motocicleta

"Eu não tenho medo de nada. O medo trava as pessoas. Tenho 80 anos e percorri mais de dois milhões de quilômetros por 150 países com uma moto. e esse ano ainda percorro a África. De moto". Essas foram as palavras do grande Miragaia, que estava presente no Monte Verde Bike Fest, autografando seus livros e ensinando às pessoas o quanto é bom viver!

E a redação da Revista Fanzine teve a honra de entrevistar esse grande aventureiro. Para nós, foi um prazer, pois as situações por ele vividas são interessantíssimas, provenientes de lugares selvagens, desde as regiões árticas ao norte do Alasca até as últimas terras austrais do continente sul-americano, ao sul de Ushuaia, em La Pataya, como também em todo o Continente Asiático, nos principais países Oceânicos e em toda Europa.

Toda a aventura de Miragaia começou quando tinha 17 anos. "Moto é uma paixão. percorri todos esses quilômetros e aconselho as pessoas a sempre fazerem o que gostam. Sem medo, porque o medo trava as pessoas".

Miragaia René Angelino, ou simplesmente Gaia, é advogado, jornalista, publicitário, empresário, palestrante e escritor. Não bastasse este monte de profissões, ele já percorreu mais de dois milhões de quilômetros de estradas (e outros caminhos) do mundo com sua moto. Sua meta é contornar, isto mesmo, contornar todos os continentes da terra, tendo ou não estrada para fazê-lo.

"Não há um lugar melhor ou pior, não há o preferido. Todos os lugares que conheci... cada um tem sua magia e o seu encanto. O segredo do aventureiro é conviver com as diferenças e pra isso tem que ser uma pessoa humilde. Quantas vezes as pessoas falavam pra mim: 'Você é louco! Vai sozinho atravessar a selva amazônica? Os índios vão te comer vivo'. Mas eu digo e repito: foram eles que me tiraram da selva quando me perdi; fiquei 22 dias perdidos e eles que me salvaram! Sabe, você acaba acreditando na bondade humana. Quantas vezes me perdi no deserto e quem me salvou? As pessoas mais humildes... elas que me salvaram a vida", explica Gaia.

Questionado sobre o posicionamento da família nessas aventuras, ele comenta: "Quando meus filhos eram pequenos, eu fazia viagem mais rápida; mas quando eles cresceram e passaram a cuidar dos negócios eu fui me aventurar". E por falar em aventura, Gaia não titubeia e revela que pretende, ainda este ano, viajar para a África. "Sabe, eu, com 80 anos, não posso deixar o tempo passar mais. Tenho que pensar rápido. Então... pretendo ir pra África ainda esse ano sim.

Para finalizar, Gaia deixa um exemplo de vida para todos nós. "Não importa a idade que tenha. A alma e o espírito têm que ser jovens. Eu brinco que daqui há 30 anos, eu vou morrer com 18 anos de idade. Pessoal, invista em si mesmo". É isso aí!

#Entrevistas

Você pode gostar de ler também: